Vender pela internet: conheça alternativas para seu negócio!

vender pela internet

Inegavelmente, a internet já faz parte das nossas vidas desde o início do século XX. E esse mundo em rede nos abriu um mar de possibilidades: trocar mensagens, compartilhar conteúdo, jogar online, fazer cursos e aprender sobre assuntos diversos e, claro, vender pela internet

Em momentos tão delicados quanto o que estamos vivendo, é fundamental apostar em estratégias 100% online. Quer entender um pouco mais sobre o assunto? Basta seguir com a leitura!

Vender pela internet vale a pena?

A resposta pode parecer óbvia, pois essa é uma das coisas mais faladas para pequenos, médios e grandes negócios. A presença das empresas na internet hoje é praticamente obrigatória.

Porém, a princípio vamos nos informar sobre alguns casos reais de empresas, que transformaram seus negócios depois de tomarem a decisão de vender pela internet.

Empresas tiveram sucesso ao vender pela internet

Veja abaixo algumas empresas que adotaram estratégias bem sucedidas ao vender seus produtos via canais digitais:

Amazon

Inicialmente, vamos mencionar uma gigante do mercado online: a Amazon. Empresa que iniciou suas vendas online em 1995, junto à popularização dos microcomputadores. A ideia de vender livros pela internet foi muito promissora, por ser um produto que, diferentemente de roupas e sapatos, por exemplo, não precisavam ser experimentados para ser comprado. 

A Amazon, percebeu cedo a oportunidade de faturar online e não perdeu tempo em investir nesse mercado. Hoje, a empresa está entre as 70 maiores empresas do mundo, vendendo não apenas livros, mas também uma infinidade de outros produtos. 

Segundo artigo do Canaltech “a empresa atingiu uma receita de US$ 59,7 bilhões (R$ 235 bilhões, na cotação atual), com liquidez de US$ 3,6 bilhões (R$ 14 bilhões) e lucro por ação de US$ 7,09 (R$ 28)”, dados referentes apenas ao primeiro trimestre de 2019.

Entretanto, não só os gigantes do mercado têm sucesso com vendas online.

Oprovolone

O site Oprovolone é um empreendimento do ramo alimentício, que começou suas vendas de queijo do modo tradicional, o dito “porta em porta”. Depois de Adriana Paes – esposa do fabricante dos queijos – ter sido demitida, resolveu participar do negócio do marido. 

Como não tinha muita habilidade para vender pessoalmente, ela resolveu iniciar um e-commerce para a venda de seus produtos. A ideia era vender pela internet produtos totalmente artesanais, com a missão de “oferecer ao consumidor brasileiro produtos de qualidade e valor nutritivo, que contribuam para uma alimentação mais saudável e agradável”.

Segundo o site E-commerce na Prática, no início da sua jornada online “a empresa saiu de 90kg de queijos vendidos por mês para 140kg, um aumento de 55%”. Atualmente, segundo a própria Adriana “Oprovolone vende pelo Brasil inteiro. Rio de Janeiro, Mato Grosso, Espírito Santo, São Paulo, Rio Grande do Sul… Vendo até mesmo queijo para mineiro! E o melhor, consegui confiança para abrir novos clientes pessoalmente também!”.

Localiza Hertz

Além do modelo de e-commerce, outro modo altamente efetivo de vender pela internet é a utilização do Whatsapp em suas vendas.

Pesquisas mostram que o canal de comunicação preferido dos clientes hoje é o Whatsapp e, com isso, você tem mais uma alternativa de explorar o meio digital.

A Localiza Hertz, por exemplo, um dos braços da Localiza – empresa de locação de automóveis – foi uma das empresas que aderiu às possibilidades da plataforma. Além de melhorar o seu atendimento ao cliente, a empresa aumentou as suas chances de converter interações em novos clientes.

Com a implementação do Whatsapp Business junto a um sistema de chatbot (desenvolvolvido em parceria com a Take), a Localiza Hertz tornou a reserva de veículos muito mais rápida, diminui custos operacionais e teve mais de 10 mil reservas feitas pelo canal. 

Mas vamos entender claramente como você pode aproveitar dessa ferramenta em suas vendas.

Como vender pela internet utilizando o WhatsApp?

Em primeiro lugar, é importante entender quais são as opções de uso do WhatsApp.

WhatsApp regular

Essa é a versão do aplicativo mais conhecida, que a maioria das pessoas utiliza em suas vidas pessoais. 

Numa definição simples e direta, é um aplicativo multiplataforma de mensagens instantâneas e chamadas de voz para smartphones. Além de mensagens de texto, os usuários podem enviar imagens, vídeos e documentos em PDF, além de fazer ligações grátis por meio de uma conexão com a internet.

Whatsapp Business

Segundo o próprio site do WhatsApp, “o WhatsApp Business é um aplicativo gratuito para download e desenvolvido especialmente para os proprietários de pequenas empresas” que permite criar “um catálogo para exibir seus produtos e serviços” e conectar sua empresa  “com seus clientes facilmente ao usar recursos que automatizam, classificam e agilizam suas respostas à mensagens”.

Contudo, ele não foi feito apenas para pequenos negócios, mas “também pode auxiliar empresas de grande e médio porte a oferecerem suporte ao cliente e no envio de notificações importantes aos clientes”.

O Whatsapp desenvolveu, nesta variante da plataforma, uma API do WhatsApp Business que “possibilita uma comunicação eficiente com clientes em todo o mundo através do WhatsApp, sempre de maneira simples, segura e confiável”.

Mas afinal, como funciona essa API do WhatsApp Business?

WhatsApp Business API

“As APIs são um tipo de “ponte” que conecta aplicações, podendo ser utilizadas para os mais variados tipos de negócio, por empresas de diversos nichos de mercado ou tamanho”, uma explicação direta e simplificada do Vertigo Tecnologia.

Com a API do WhatsApp Business é possível criar uma chatbot integrado ao WhatsApp, para automatizar a interação entre empresa e cliente. Com isso, a conversa com o seu cliente torna-se muito mais fácil, você consegue trocar informações com mais pessoas, o que impacta diretamente nas suas estratégias para vender pela internet.

Contudo, existe uma Política do WhatsApp Business que descreve todas as implicações dos termos de uso para empresas que utilizam desse serviço. 

Nesse documento contém detalhadamente todas as restrições comerciais relacionadas aos tipos de conteúdo proibidos em trocas de mensagens, à divulgação de informações de clientes, à autorização de captação de contatos, ao envio de mensagens promocionais, à criação de jogos ou competições, entre outras informações concernentes a esse serviço oferecido pela plataforma.

É fundamental uma leitura atenta desses termos, uma vez que eles irão ser a base para o monitoramento das trocas de mensagem entre sua empresa e seus clientes.

Visto que utilizar o WhatsApp é uma alternativa promissora para a empresa que pretende vender pela internet, segue uma lista de recomendações de como você pode construir uma interação positiva com o seu cliente.

7 dicas práticas de como interagir com seus clientes

1. Automatize seu processo

Como mencionado no tópico acima, a automatização do processo de comunicação traz inúmeros benefícios na hora de vender pela internet. Em especial na estratégia de marketing conversacional com seu cliente.

Você pode fazer isso utilizando as funções do próprio Whatsapp, com respostas automáticas ou ainda criar um processo de comunicação que reúne a inteligência artificial de um bot ao atendimento humano

2. Compartilhe conteúdos relevantes

Quando se trata de vender pela internet usando o método de interação, é muito importante que você compartilhe conteúdos relevantes com a sua audiência. Certamente você já ouviu falar em marketing de conteúdo. Essa é uma prática fundamental para manter um relacionamento forte. Seu cliente não quer receber apenas mensagens que sugerem uma compra, por isso é aconselhável que conteúdos pertinentes, de interesse do seu cliente, sejam assuntos das conversas construídas nessa interação.

3. Utilize uma linguagem adequada

Cada empreendimento tem um público específico, visto que cada segmento de mercado atende a um ou alguns tipos de persona. 

Consequentemente, o modo com o qual você dialoga com esse público deve ser apropriado às pessoas da sua rede de contato. Uma boa dica é fazer uma análise prévia da linguagem e do tom de voz que você vai utilizar na sua comunicação. 

A voz e tom de voz utilizado vai de acordo com o posicionamento de marca da sua empresa. Esse processo deve ser realizado, levando em consideração os profissionais de comunicação que irão fazer uso dessas definições. Porque mesmo que esse estudo já tenha sido realizado e que já esteja documentado, é fundamental que todos os seus colaboradores saibam da existência desse elemento.

4. Objetividade ao vender pela internet

Seja para anunciar uma novidade, sugerir uma compra ou compartilhar um conteúdo relevante com o seu público, a premissa de ser objetivo deve ser considerada. Porque, muitas vezes, nos perdemos em explicar exageradamente a respeito de um assunto e perdemos a atenção de quem recebe a mensagem.

É legal tomar cuidado para que a interação não se torne prolixa e enfadonha. Procure ser prático e direto com as palavras, isso desenvolve muito o diálogo.

5. Dê atenção aos feedbacks

Essa é uma dica que tem o poder de elevar o nível do seu negócio. Prestar atenção ao que o seu cliente fala é crucial. Pois é justamente dele que você precisa ouvir as opiniões a respeito da sua marca.

Empresas de sucesso transformam “reclamações” em dados para melhorias constantes.  

Por isso, levar em consideração aquilo que o seu cliente tem a dizer tem um potencial gigantesco. Não apenas no que diz respeito a pontos negativos, mas também nos elogios, porque assim você identifica o que está dando certo e o que não está.

6. Entenda o momento do seu cliente

Sabemos que vender pela internet, utilizando o Whatsapp, significa criar uma relação com seu cliente. Ao mesmo tempo que você quer vender seu produto/serviço é conveniente que você saiba o momento de fazer isso.

Se aquele contato iniciou uma conversa por meio de alguma campanha publicitária que não necessariamente vendia algo, é preciso que haja uma avaliação do momento oportuno para efetivamente oferecer algo a ser comprado.

7. Crie listas de transmissão

Uma funcionalidade muito útil do WhatsApp é a criação de listas de transmissão e você pode usar isso a seu favor. Ao contrário dos grupos – que não são indicados para quem pretende vender pelo WhatsApp – a listas de transmissão permitem uma agilidade fantástica quando você precisa comunicar uma mesma mensagem para um grupo maior de pessoas.

Mas lembre-se: não seja muito genérico nas suas palavras quando for se relacionar dessa maneira. Crie um meio de deixar claro com quem você está conversando, que já houve interação anterior, para que não haja estranhamento nessa comunicação.

Seguindo essas dicas, você já pode iniciar suas vendas pela internet e começar a aproveitar desse potente meio de vendas.

Aproveita que você já conferiu as melhores estratégias para vender na internet, aproveite a visita e descubra como pequenos negócios podem sobreviver à crise do COVID-19!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste desses conteúdos também: