Como criamos o chatbot "E aí, Chefito?"

e aí chefito

Nossa história começa no Hackathon da Take com parceria do Sebrae, em setembro de 2016. O evento era centrado em uma nova tecnologia: o chatbot. Assim, nos inscrevemos para aprender sobre esta nova tendência e suas vantagens.

A ideia do “E aí, Chefito?” foi do Carlos, um dos desenvolvedores, e se baseava no desenvolvimento de um chatbot que fornecesse uma receita que incluísse os ingredientes que o usuário digitasse. Marcela (designer) achou a ideia muito boa e logo se juntou ao Carlos. Em seguida, vieram o Felipe (desenvolvedor), o Vinícius (desenvolvedor) e o Thiago (Negócios).  E assim foi formada a equipe do Chefito!

 

como_criamos_o_chatbot_equipe
Equipe do “E aí, Chefito?”

 

O Hackathon durou três dias. Na sexta-feira, formamos os grupos e no sábado e domingo partimos para a ação. O evento foi muito interessante! Além de conhecer mais sobre esta tecnologia, aprendemos sobre outros assuntos relacionados à esta tendência. Tivemos mentores competentes e atenciosos, além de um ótimo suporte da Take para realizar o que queríamos. Foi um período intenso e corrido, mas valeu a pena!

Nosso grupo ficou em 3º lugar na competição com o bot “E aí, Chefito?”. Como premiação, recebemos a mentoria da Developer S2 e o convite para participarmos do programa de aceleração do Sebrae, o Agita. Quando ele começou, chegamos animados, mas um pouco perdidos. Mas de uma coisa tínhamos certeza: nosso projeto iria utilizar as tecnologias do chatbot.

Ao decorrer do programa, um dos membros do grupo, o Thiago, precisou sair por questões particulares. E assim nos tornamos um  quarteto formado por uma designer e três desenvolvedores. Durante três meses, três vezes a cada semana, nos reunimos no Sebrae para desenvolvermos nosso projeto. Foi bem cansativo, já que todos os integrantes do grupo trabalham, mas aprendemos muito e conhecemos pessoas que até hoje nos ajudam.

Durante o projeto, tivemos a sorte de encontrar uma madrinha, a Natty Ambrósio, da startup Mood Food. Ela abraçou nossa ideia e nos salvou muitas vezes. Em uma das etapas do programa, tivemos que voltar várias casas da nossa pesquisa para conseguirmos validar o projeto. Foi um desafio grande, por causa do tempo reduzido e por termos que explicar e provar que o chatbot tem um potencial alto e que é possível sim desenvolver uma startup focada em um bot, o Chefito.

como_criamos_o_chatbot

Conheça o bot do Chefito!

Além do aprendizado que o Sebrae nos proporcionou, fomos coroados com o 2º lugar no programa, o que nos rendeu um cheque no R$ 10.000,00 e um lugar no espaço de coworking no grupo Anima. Ficamos surpresos, mas muito felizes! O Chefito entra agora num novo desafio, munidos de recursos financeiros e conhecimento adquirido no Sebrae! 

Agradecemos também ao Caio Calado, da Take, que desde o Hackathon deu sua enorme contribuição ao nosso bot. Sabemos que essa tecnologia ainda vai crescer bastante e que temos muito a aprender. Esperamos compartilhar com vocês novas conquistas em breve!


como_criamos_o_chatbot_nomes2

 

Autores: Equipe do “E aí, Chefito?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez você goste desses conteúdos também: