Ferramentas de vendas: será que você está usando todo potencial desses recursos?

Hoje a competição entre as empresas é cada vez mais acirrada. Além disso, clientes e consumidores estão a cada dia mais exigentes e empoderados pela internet.

Nesse contexto, todo detalhe importa na hora de atrair, conquistar e fidelizar clientes. As tarefas e responsabilidades se multiplicam e o dia de 24 horas parece ser insuficiente para se realizar tudo que é preciso.

Assim, se você e sua empresa não se tornarem mais produtivos, a concorrência vai superá-los e seus clientes abandoná-los.

Para enfrentar esse desafio, as oportunidades tecnológicas trazidas pela transformação digital são a solução.

Por isso, usar ferramentas de vendas é fundamental para o profissional de vendas moderno. Será que você está usando as suas corretamente? Confira este post e descubra! 

5 ferramentas de vendas que vão alavancar seu faturamento

Não há como aumentar seus resultados e gerenciar a equipe comercial sem usar softwares de vendas.

Por isso, selecionamos 5 ferramentas de vendas, algumas simples e gratuitas e outras mais sofsticadas, para que você escolha as mais adequadas para o seu negócio.

1. Softwares de CRM

Não poderíamos falar de ferramentas de vendas sem citar os sistemas de CRM.

Essas são as ferramentas de vendas por excelência.

Sistemas de CRM têm o objetivo de fazer com que sua empresa conheça profundamente os desejos e necessidades de seus clientes, além de gerenciar os negócios em andamento e a força de vendas.

Para isso costumam contar com diversas funcionalidades. Conheça algumas delas:

  • Cadastro centralizado de clientes: com todas as informações de contato.
  • Histórico de relacionamento: base cronológica de todas as conversas com o cliente, independente da mídia utilizada, para que se possa saber sempre o que foi discutido e quais são as preferências dele.
  • Funil de vendas: ferramenta visual que permite entender rapidamente todos os negócios em andamento, em que fase do processo de compras se encontram, os valores e a probabilidade de fechar uma venda.
  • Relatórios e painéis de controle: dados sobre vendas realizadas, produtos e serviços mais vendidos, perfil de clientes, valores e produtos ou serviços comprados por eles, desempenho dos vendedores e muitos outros.

2. Formulários para captação de leads

Sem leads não há vendas!

Nesse sentido, todas as maneiras que você tiver de captar leads (e depois qualificá-los!) são válidas.

E, para isso, existem algumas ferramentas de vendas bastantes simples de usar. Porém, muito efetivas. E, aliás, são gratuitas: estamos falando de formulários como o Google Forms e o Typeform. 

Você cria formulários simples para a assinatura de sua newsletter, por exemplo, e os coloca em seu site ou blog. É rápido, fácil de fazer, não tem custo e funciona!

3. Ferramentas de automação de marketing

Mais uma das ferramentas de vendas que não poderiam faltar em nossa lista!

A automação de marketing é uma das mais consagradas e assertivas estratégias de captação de leads por meio do marketing digital.

Basicamente, ferramentas de automação de marketing ajudam a atrair leads por meio de blogs e outras mídias sociais, onde se criam conteúdos baseados nas palavras-chave mais usadas por seu perfil de clientes.

Ao acharem esses conteúdos, são oferecidos outros, ainda mais profundos, como e-books e infográficos, em troca dos dados do lead, como nome e e-mail.

Em seguida, criam-se campanhas de e-mail marketing segmentadas por perfil para continuar nutrindo esses leads de informações relevantes, criando um relacionamento que se pretende levar até a conversão de uma venda.

4. Facebook Lead Ads

Uma poderosa ferramenta de vendas, o Facebook Lead Ads é uma das formas mais efetivas de anunciar no Facebook para captar leads.

Afinal, são nada menos que 2 bilhões e 300 milhões de pessoas são usuárias dessa mídia social

E, se seu objetivo é alcançar alta performance em em vendas, captar leads em meio a essa enorme quantidade de pessoas pode ser uma grande oportunidade. Desde que, é claro, faça uma boa segmentação do público-alvo.

Esses anúncios incluem um formulário de captação de leads totalmente adaptado para dispositivos móveis. Assim, você pode oferecer downloads de materiais em troca de informações, por exemplo, trabalhando em conjunto com ferramentas de automação de marketing. 

5. Chatbots

Muitos acreditam que chatbots são apenas ferramentas de atendimento ao cliente. Se enganam.

Chatbots têm muitas outras funções, como engajamento de público-alvo e até vendas. Afinal, o chatbot é como um vendedor virtual, disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana e capaz a de atender uma quantidade enorme de chamados.

Veja dicas sobre como usar chatbots para vender mais neste post: Chatbots e Growth Hacking: Conversas que Geram Resultados

Que achou desses softwares de vendas? Já usa alguns deles em seu negócio? Quais os resultados? Existe algum softwares de vendas que não citamos e que você gostaria de recomendar? Compartilhe suas ideias com a gente nos comentários.  


Este artigo foi escrito por Júlio Paulillo, Co-founder e CMO do Agendor, a plataforma de aprimoramento em vendas para vendedores profissionais.